domingo, 18 de julho de 2010

A Verdadeira Cor da Vida


Um dia estava eu indo ao trabalho, e levava minha filha junto comigo, pois ela não tinha aula neste dia. Quando passávamos pelo muro do Quartel da Polícia Militar do Estado do Espírito Santo, ela observou que o muro havia sido pintado. Perguntei como ela sabia disso. Ela me falou que ano passado, quando ia comigo todos os dias, pois ficava na creche da Instituição onde trabalho, o muro era cinza e agora estava da cor azul. Então eu fiquei pensando: como eu não tinha percebido isso antes? Eu passo pelo mesmo trajeto todos os dias quando vou e volto do trabalho, por economia de combustível e tempo. Precisou de minha filha me chamar atenção para um fato que tava na minha cara, inclusive tem um semáforo ao lado deste muro e muitas vezes pego sinal vermelho e paro o carro. O muro realmente estava com uma cor nova e eu não havia notado até então.

E ai, fiquei pensando: como que muitas vezes a gente age mecanicamente, e não notamos algo que sempre esteve ali, até que um belo dia alguém nos desperta e começamos a enxergar de outra maneira. Sempre li a Bíblia. Desde quando comecei a ler (aos seis anos de idade). Muitas vezes lia sem saber o que estava lendo e não entendia patavina. Cansada de não “enxergar” nada de novo nas minhas leituras bíblicas, este ano tomei uma decisão: não leria a Bíblia. Se fosse pra ler da mesma maneira que sempre li, não leria. Só estava perdendo meu preciosíssimo tempo.

Resolvi então “estudar” a Bíblia. Não estou fazendo Teologia não. Estou estudando em casa mesmo. Procurei alguns sites que ensinam como fazer estudos bíblicos, comprei um fichário para fazer anotações e uma Bíblia para estudos, está aqui ó:
  
Comecei fazendo um estudo sobre mulheres, pelo simples fato de ter tudo haver comigo, né. Retirei este estudo também da internet. Tem uma infinidade de sites com estudos sobre mulheres. Confesso que estou a-d-o-r-a-n-d-o. Cada dia estudo um pouquinho. Está tão bom que fico só aguardando a noite chegar para me fechar no quarto e fazer meus estudos.

Muitas vezes leio apenas um versículo, ou um capítulo. Mas pra mim, mais importante do que a quantidade, é a qualidade. Pra que eu ler vários capítulos de vez sem entender nada? Não tem sentido. Agora, procuro entender o que cada palavra quer dizer. Quando não entendo, procuro em dicionários, leio os comentários e também faço consultas na Inter. Tem muita coisa: boas e ruins. A gente tem que saber filtrar. Então faço minhas anotações. Estou engatinhando nos meus estudos. Pequenos passos. Aprendi isso no FLY, um passo de cada vez.

Agora estou notando algumas coisas interessantes que não notava antes. Os escritos da Bíblia sempre estiveram ali, não mudou. O que pode ter mudado é apenas algumas versões com termos mais fáceis pra gente compreender, mas seu teor é o mesmo. Foi preciso o Espírito Santo de Deus chamar minha atenção para essas coisas. Comparando com a história do muro que contei no início deste artigo, é como se o muro fosse a Bíblia, sempre esteve ali e eu não notei, mesmo passando por ele diversas vezes (lendo), precisou de minha filha me chamar atenção pra eu notar a mudança da cor. Comparo a atuação da minha filha, com a do Espírito Santo, chamando minha atenção para os detalhes. Mas porque não observei que o muro mudou de cor? Porque a Bíblia, agora para mim tem outra “cor”?

R.: Não observei porque eu estava preocupada com o trânsito, eu não podia desviar o olhar, o fluxo tinha que seguir. Não notei a bíblia pelo mesmo motivo: eu estava preocupada com o trânsito da vida: tinha que seguir, tinha que ler. Pra eu notar que o muro havia sido pintado eu tive que diminuir a velocidade do carro. Comecei a ver algo novo na bíblia quando diminui a velocidade (da leitura e de tarefas, dedicando na minha agenda diária um tempo para isso) e parei para me concentrar nos detalhes (que fazem a diferença).

Não tenho nada contra as leituras anuais da bíblia se estas são de fato boas para alguém. Para mim, em particupar, não funcionou. Simplesmente ler as letrinhas, não foi o bastante para mim. Qualquer um pode ler. Desde que saiba juntar B com A e fazer BA. De que adianta correr na leitura para dizer no final do ano que leu a Bíblia toda se não entendeu uma só palavra?

Quero chegar ao fim do ano e falar que li um ou outro livro da Bíblia, mas que esta leitura mudou a cor do meu mundo: de cinza pra azul.

Um comentário:

  1. Oiii amada... obrigada pela visita em meu blog. Amei a sua postagem... a cada dia o Espirito de Deus nos surpreende, né??? Parabéns por essa empreitada de permitir que o Senhor venha colorindo a sua vida através da Palavra. A analogia é maravilhosa...Shalom Adonai!!!
    Bjuusss no ♥

    "Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação;"
    Efésios 1.17.

    ResponderExcluir

Você pode gostar disso também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...